segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Como namorar?

Hoje em dia todo mundo parece viver numa festa. O pessoal se conhece, se agarra, ficam juntos por um tempo, mas não estabelecem sentimento nenhum um com o outro e todo mundo acha normal. Ou pior, quando dizem ter alguma coisa com alguém é só pra ter o status de estar namorando, nada muito sério, na verdade.

Porém, nada está perdido. Do jeito que tá parece que todo mundo participa desse descompromisso, mas ainda existem aquelas almas que serão salvas pelo santo Deus (amém).

Esse site da Pró-Vida de Anápolis (seja lá o que isso for) dá todas as instruções de como ter um namoro digno da salvação (aleluia).
Instruções essas:

Os namorados não podem ter relações sexuais, pois o corpo do outro ainda não lhes pertence. Unir-se ao corpo alheio antes do casamento (fornicação) é um pecado contra a justiça, algo como um roubo.
Porém não é apenas a fornicação que é pecado, mas também tudo o que provoca desejo da fornicação, como abraços e beijos que, muitíssimo mais que constituírem expressões de afeto, despertam, alimentam e exacerbam o desejo físico.
Aliás, é possível profanar o templo do nosso corpo até por um pensamento: "Todo aquele que olha para uma mulher com mau desejo já cometeu adultério com ela em seu coração" (Mt 5,28).
Durante o namoro deve-se evitar o contato físico desnecessário. O contato entre os corpos (beijos e abraços), além de causar o desejo de fornicação, obscurece a razão. O próprio beijo na boca ou de novela já constitui uma entrega física, que, se acidentalmente pode não se consumar, no entanto a prepara ou apressa.
O prazer da excitação dos sentidos, além disso, torna os jovens incapazes de perceber a beleza da alma do outro. O namoro assim deixa de ser uma ocasião de amar para ser uma ocasião de egoísmo a dois, cada um desejando sugar do outro o máximo de prazer.

Além disso há todo um ritual para antes de depois do ato de namorar (?):

  • rezar antes e depois do namoro;
  • namorar apenas em lugar visível, para evitar ocasião de pecar. Nada há para esconder;
  • durante o namoro evitar ir além de conversar e dar as mãos;
  • ter sempre em mente : "Eu estou diante de um templo sagrado. Ai de mim se eu profanar este templo até por um pensamento".

  • Depois do ato de namorar convém fazer um exame de consciência:
    "Estou agora amando a Deus mais do que antes?"


    Pois é jovens, tem muita gente estranha por aí. Pra dar mais algumas risadas, acesse.


    10 comentários:

    lu disse...

    puta merda. O mundo ta perdido.

    lu disse...

    pior que quem escreve essas coisas é quem lê, e publica em blog. Mas pior que os dois, é quem lê o que foi publicado no blog, e ainda comenta a respeito.
    O mundo realmente ta perdido.

    lu disse...

    "a Gabi é minha namorada e eu sou feliz"
    oooooh. Que gracinha.
    rs

    Felipe Esteves disse...

    Pena que nem assim dão valor, lu.

    Nát disse...

    Hmm, esqueçam essa baboseira toda e se peguem.

    E usem preservativos.

    Felipe Esteves disse...

    Boa idéia Nát, é a física que conta.

    lu disse...

    Aêee!

    Nát disse...

    A física sim, os físicos não.
    Entenda como quiser.

    lu disse...

    haushaushuasha

    Gabi disse...

    "a Gabi é minha namorada e eu sou feliz"
    oooooh. Que gracinha. [2]


    É, eu vou mesmo pro inferno.